SÃO DÂMASO: 

VIDA, MORTE e

(RE)EXISTÊNCIA

DE UM BAIRRO

20190509_160401.jpg
38_PercursoSandra_250419_LuisaC.jpg
20190509_154044.jpg
30_PercursoSandra_250419_LuisaC.jpg
casarão_abandonado.jpg
Anastacia.JPG
3 de maio - Trabalhador.jpg
20190509_161741.jpg
20190509_155839.jpg
Bar, Dentista (Valter), Moradia - Rua 28
ezgif.com-video-to-gif (3).gif
Antigo_restaurante_da_Mãe_da_Sandra.jpg

7º ETAPA DA REFORMA DO PELOURINHO HOJE

“Aqui parece uma planta morrendo sem você conseguir salvar”

“Hoje está tudo morto”

“Que 50% dos imóveis daqui tivessem a função de antes: pra tirar o sustento”

“Aqui está muito vazio, parece um cemitério”

 “Devia ter uma creche, uma escola em tempo integral, um lugar paras crianças brincarem...”

 “Que volte o movimento, de gente, de lazer...”

“Padaria aqui não tem. Farmácia, não tem. Açougue, às 20h você não acha”

20190509_160026.jpg

“Ficou muito deserto. Sumiu o povo todo, você conta de dedo as pessoas”

“Isso aqui está acabado, rapaz. Você não vê uma casa bonita nessa área aqui! Quando reforma, é aquela coisa de tartaruga: uma casinha hoje, outra amanhã"